segunda-feira, 4 de julho de 2016

Jon Jones garante relação sadia com o UFC e revela objetivo de lutar até quatro vezes por ano

Após enfrentar uma suspensão de quase um ano e meio por fugir de um acidente de carro sem prestar socorro à vítima, Jon Jones retornou ao octógono em abril passado e já tem outro duelo marcado para o próximo dia 9 de julho. Ao que parece, a punição imposta ao atleta surtiu efeito. Tanto que 'Bones' deixou claro que não se aborrece mais com coisas pequenas, que a relação com o UFC apenas melhorou e que pretende se tornar um 'cara da companhia', se apresentando de três a quatro vezes por ano.

Em entrevista ao site 'MMA Figghting' durante um encontro com a imprensa na última terça-feira (28), Jones garantiu que sua relação com o Ultimate é a melhor possível atualmente. De acordo com o americano, o seu objetivo é ser um dos principais nomes da organização lutando o máximo de vezes que conseguir.





"Nós estamos bem atualmente. Eu estou pronto para jogar o jogo. Obviamente, eu sempre serei um cara que vou tentar fazer valer o que acho que é certo. Eu não tenho nenhuma problema em me opor ao UFC quando penso que algo não está certo. Mas penso que nesse ponto da minha carreira estou pronto para escolher as minhas batalhas de forma mais inteligente e não por coisas pequenas. O meu objetivo agora é ser mais um 'cara da companhia'. Eu lutei em abril, vou lutar em julho e planejo lutar em Nova York em novembro. Estou buscando entrar em um camp logo depois de cada apresentação e lutar muito mais constantemente - de três a quatro vezes por ano", declarou.

Jon Jones conquistou o título interino da divisão ao derrotar Ovince Saint-Preux em abril passado e está escalado para fazer uma revanche contra Daniel Cormier no UFC 200, evento marcado para o dia 9 de julho em Las Vegas (EUA), valendo o cinturão linear dos meio-pesados (93 kg). Bones e DC já se enfrentaram em janeiro de 2015, quando o campeão interino levou a melhor na decisão unânime dos juízes.

Por: Ag. Fight
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário