segunda-feira, 18 de maio de 2015

“Não vejo a hora dessa luta acontecer” diz Belfort ao desembarcar em Vegas

Desafiante ao cinturão dos médios do UFC, Vitor Belfort já chegou a Las Vegas, palco da luta contra Chris Weidman neste sábado. Tranquilo e sorridente, o brasileiro desembarcou nesta segunda-feira por volta do meio-dia no horário local (16:00 horas em Brasília), depois de um voo de cinco horas (ele viajou de Miami, onde reside e treina). Simpático, o lutador falou do alívio de estar tão próximo do duelo, que chegou a ser adiado pelo menos duas vezes pelo Ultimate:

- Depois de cinco horas de voo, não consegui dormir, fiquei acordado, mas é ótimo. Cheguei bem. (O avião) balançou um pouco, mas graças a Deus chegamos bem. O coração no voo ficou batendo forte, mas agora está bem. Não (estou ansioso), estou feliz. Tem que vencer cada dia. Agora é o controle do peso, beber muita água e curtir esse momento. A luta o tempo inteiro esteve pronta, agora, na realidade, ela vai acontecer. Eu não vejo a hora de acontecer. Estou muito feliz - declarou ao Combate.com, ainda no aeroporto.

Enquanto aguardava as bagagens, que demoraram quase uma hora para serem entregues na esteira, o lutador atendeu alguns fãs e conversou pela internet com a esposa, Joana Prado, que ficou no Rio de Janeiro e só chega para o combate na próxima quinta-feira. Ele também explicou o sentimento de estar prestes a disputar mais um cinturão em sua carreira:





- É muito bom, mas como já faz parte da minha vida, da minha experiência, estou falando: “Caramba! Será que eu preciso sentir algo diferente?”. Está todo mundo sentindo tanta coisa, e para mim está tão normal, será que eu preciso sentir algo diferente? Mas isso significa que eu fiz um bom trabalho, fiz o meu melhor, me dediquei durante um ano e meio e eu acho que isso é o mais importante. Quando você se dedica, você não deixa nada para trás. Olhando para trás hoje eu penso: “Nossa me dediquei por um ano e meio muito bem", então estou curtindo o momento.

Focado em sua reta final de preparação, o “Fenômeno” tirou uma “marmita” da mochila assim que chegou e fez a refeição ainda no saguão do aeroporto. Em conversa com o Combate.com ele também comentou o apoio que vem recebendo da torcida brasileira:

- O Brasil está vindo para Las Vegas, então fico feliz de ter um povo que acompanha, que torce, que vibra junto. O nosso povo é um povo sofrido por ter infelizmente que lidar com tanta coisa difícil, com corrupção, desvio de dinheiro público, o povo mesmo sofre. E essa luta é uma das alegrias que o povo trás para dentro de casa, o filho, o neto, a família inteira, então eu fico muito feliz. Quero agradecer o carinho de vocês, que Deus abençoe muito vocês e tamo junto! - disse, ao garantir, mais uma vez que conquistará o cinturão no próximo sábado.

UFC 187
23 de maio, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL

Peso-meio-pesado: Daniel Cormier  x Anthony Johnson
Peso-médio: Chris Weidman x Vitor Belfort
Peso-leve: Donald Cerrone x John Makdessi
Peso-pesado: Travis Browne x Andrei Arlovski
Peso-mosca: Joseph Benavidez x John Moraga

CARD PRELIMINAR

Peso-mosca: John Dodson x Zach Makovsky
Peso-meio-médio: Josh Burkman x Dong Hyun Kim
Peso-médio: Uriah Hall x Rafael Sapo
Peso-palha: Rose Namajunas x Nina Ansaroff
Peso-meio-médio: Mike Pyle x Colby Covington
Peso-leve: Leo Kuntz x Islam Makhachev
Peso-mosca: Josh Sampo x Justin Scoggins

Por: Evelyn Rodrigues/Combate
Foto: Evelyn Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário