sexta-feira, 29 de maio de 2015

Ju Thai promete trocação contra Ericka: "Hora de mostrar o thai da Ju"

Juliana Lima, a Ju Thai, avisa: "Chegou a hora de mostrar o thai da Ju". Especialista em muay thai, a mineira vai para a sua terceira luta no Ultimate neste sábado, quando enfrentará Ericka Almeida, no UFC Goiânia, e quer finalmente mostrar que seu apelido não é em vão. Nas duas primeiras vezes que pisou no octógono, a número 12 do ranking do peso-palha feminino (até 52kg) acabou não conseguindo se impor como gostaria. Na estreia, foi derrotada pela campeã Joanna Jedrzejczyk por decisão unânime. Já em sua última atuação, venceu Nina Ansaroff, também por decisão unânime, mas em combate muito parelho. Agora, ela quer que a história seja diferente.

- Minha preparação continuou a mesma. A Ericka Almeida tem o mesmo jogo que a Jessica, que é o chão, o jiu-jitsu. Então não teve mudança nenhuma no treino. Já vi várias lutas da Ericka e a conheço bastante. Temos até uma amiga em comum, a Vanessa Porto. Assisti à sua última luta e ela quase chegou a treinar comigo em Belo Horizonte, quando fui escalada para o TUF. Acabei não indo, mas a conheço bem. Não acho que tenho vantagem por ela ser estreante ou não. Ela tem duas lutas a menos que eu apenas. A experiência é a mesma. Ela vem de um grande evento - o Jungle Fight é o maior da América Latina - e ela era a campeã. Não tem vantagem. Quando fecha a gaiola, é 50% pra cada uma. Treinei para finalizar ou nocautear, e espero conseguir uma vitória mais contundente. Chegou a hora de mostrar o thai da Ju. Podem esperar, vai ter muita trocação no sábado - afirmou, durante o "media day" do UFC: Condit x Alves, nesta quarta-feira.

Inicialmente, Ju Thai iria lutar contra Jessica Penne, número 3 do ranking do Ultimate, mas a americana acabou sendo escalada para disputar o título contra Joanna Jedrzejczyk, no UFC Suécia, e abriu vaga para Ericka. Mas a mineira nega que tenha se frustrado com a troca de uma lutadora bem ranqueada para uma estreante.

- Eu estava muito empolgada para lutar com a Penne, e acho que essa luta ainda vai acontecer. Não tem frustração. Só de estar lutando no maior evento do mundo e mostrando o meu trabalho... Não tenho pressa.

Juliana só não esconde o desejo de ter a sua revanche contra Joanna Jedrzejczyk. Os problemas que passou com o corte de peso para enfrentar a polonesa, que atualmente é a campeã da divisão até 52kg, a fazem acreditar que, sem eles, teria saído vitoriosa do embate.





- Ficou um "gostão", porque quando lutei com ela, não era eu. Passei por um processo de desidratação que nunca tinha passado na vida. Tive que fazer isso para cortar um quilo, e eu não suava de jeito nenhum. Tive desmaios na banheira e passei o inferno no dia da pesagem. Não foi a Ju Thai 100%. Não foi a Ju Thai no gás, porque a primeira vez que eu tentei colocá-la para baixo a minha bateria arriou. Mas foi a Ju Thai no coração, porque ela teve varias chances de me nocautear, assim como nocauteou a Carla Esparza e deu knockdown na Gadelha, mas não me derrubou. Tenho certeza de que eu consigo ganhar esse cinturão. Esse cinturão ainda vai rodar muito. Não acredito que vá ficar muito tempo na mão de uma lutadora só. Apesar achar a polonesa muito dura, está chegando a Jessica Aguilar também. Esse cinturão vai rodar bastante até a hora em que chegar à minha mão, claro (risos).

Mesmo acreditando que o cinturão não ficará muito tempo com a campeã, ela aposta na polonesa contra Penne, mas revelou que irá torcer pela americana, por achar que será mais fácil conseguir uma disputa de título.

- Joanna vence, mas gostaria que a Penne ganhasse para eu ter mais uma chance de lutar com ela, já que a minha luta foi adiada. Minha chance aumentaria bastante.

UFC: Condit x Alves
30 de maio, em Goiânia (GO)

CARD PRINCIPAL

Peso-meio-médio: Carlos Condit x Thiago "Pitbull" Alves
Peso-pena: Charles do Bronx x Nik Lentz
Peso-meio-médio: KJ Noons x Alex Cowboy
Peso-meio-pesado: Francimar Bodão x Ryan Jimmo
Peso-meio-médio: Wendell Negão x Darren Till
Peso-leve: Francisco Massaranduba x Norman Parke

CARD PRELIMINAR

Peso-pena: Rony Jason x Damon Jackson
Peso-mosca: Jussier Formiga x Wilson Reis
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Nicolas Dalby
Peso-leve: Mirsad Bektic x Lucas Mineiro
Peso-palha: Juliana Lima x Ericka Almeida
Peso-meio-médio: Luiz Besouro x Tom Breese

Por: Raphael Marinho/Combate
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário