sexta-feira, 10 de abril de 2015

Vitor Belfort comenta doping de Spider: 'Não julgo, ninguém é perfeito'

O doping de Anderson Silva ainda rende muita repercussão no mundo do MMA. O ex-campeão dos médios está suspenso provisoriamente até o julgamento junto a Comissão Atlética de Nevada que ainda deve ser marcado. Um dos principais adversários de Spider na história do Ultimate comentou a polêmica. Vitor Belfort, que no dia 23 de maio, no UFC 187, enfrenta o atual campeão Chris Weidman pelo título da categoria dos médios, pode assumir o posto que já foi do compatriota. Ao falar sobre o doping do rival, ele não entra em polêmica, mas diz não julgar Spider.

Em entrevista ao LANCE!, o Fenômeno preferiu não entrar em detalhes sobre este tema, respeitando o brasileiro. O carioca garantiu que prefere focar as atenções nas suas atitudes. No entanto, o lutador afirmou que esse combate da organização contra essas drogas precisa ser igual para todos os competidores, sem haver restrição alguma. Ao ser perguntado se o caso mancha a carreira de Anderson, Vitor se esquivou.





- É difícil falar pelos outros, até porque nossa vida não é feita de um episódio, são vários. Me restrinjo a falar isso. Respeito a individualidade, não julgo ninguém. Quero cuidar do meu legado e não prestar atenção no vizinho ou próximo. A gente tem que amar. Ninguém é perfeito. Só acho que a regra para ser regra tem que ser aplicada em todos. Nos Estados Unidos, se o presidente roubar, é preso como outro. Não interessa se é presidente. É igual a todo mundo - explicou o ex-campeão do Ultimate.

Recentemente, Vitor Belfort foi submetido a diversos exames antidoping após o banimento do TRT (Tratamento de Reposição de Testosterona), como garantia que receberia a licença da Comissão Atlética de Nevada, orgão responsável por regular esse combate ao doping no estado, para lutar novamente em Las Vegas. O brasileiro passou 'limpo' em todos os testes.

Por: Carlos Antunes e Lazlo Dalfovo/Lancenet
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário