quarta-feira, 22 de abril de 2015

Velásquez responde Dana: "Ele fala Idade da Pedra, eu digo tradicional"

Presidente do Ultimate, Dana White falou em "Idade da Pedra" ao tratar da American Kickboxing Academy para se referir às lesões constantes de Cain Velásquez, campeão do UFC. Apesar do mandatário responsabilizar a AKA pelos recorrentes problemas físicos do americano, o peso-pesado preferiu olhar a crítica por outro prisma.

Em entrevista ao site "MMA Fighting", Velásquez defendeu a equipe e optou por interpretar as palavras do mandatário de maneira diferente.

- Eu sempre considerei essa academia como uma escola tradicional. Ele fala "Idade da Pedra", eu digo tradicional. A melhor maneira de se preparar para uma luta é lutando. Tive algumas lesões, mas quando lutamos e pela forma como fazemos, ninguém diz que não estamos treinando direito. Vamos continuar fazendo isso. Poderemos nos lesionar de novo, mas não vamos aos treinos e nem aos duelos com esse pensamento.

Ex-campeão do Strikeforce, Luke Rockhold minimiza as lesões de Velásquez em relação a quantidade de integrantes da AKA. O peso-médio, porém, acredita que as lesões sobressaem, pois o companheiro de treinos é a principal referência do time.

- Acho que muitas coisas recaem sobre Cain porque ele é a cara da nossa academia, é o campeão dos pesados, o cara mais duro do planeta. Ele se lesionar e não lutar tanto reflete em nós, mas, ao mesmo tempo, somos a melhor academia do mundo. Temos vários lutadores saudáveis que estão lutando constantemente - declarou Rockhold, reforçando que o fato de Velásquez ter deixado a primeira edição do UFC na Cidade do México, tenha pesado na insatisfação do UFC.





Líder da AKA - onde treinam ainda estrelas como Daniel Cormier e Khabib Nurmagomedov - Javier Mendez observa que as lesões mais graves sofridas por Velásquez não aconteceram dentro da academia, e sim, nas lutas com Brock Lesnar e Junior Cigano.

- Se você quiser se livrar de lesões, você vai ter que se livrar do UFC - disse Mendez, complementando.

- Gosto do fato de Dana estar prestando a atenção para que possamos nos corrigir. Desde o início do treinamento de MMA, estamos sempre em busca da evolução. Isso mostra que ele se importa. Mas ele está errado ao nos acusar. Acredito que está fazendo isso principalmente porque temos o campeão do peso-pesado.

Dono do cinturão linear, Velásquez está parado desde outubro de 2013, quando venceu Junior Cigano pela segunda vez. O americano voltará ao octógono dia 13 de junho, contra o campeão interino da categoria, Fabrício Werdum, no UFC 188, na Cidade do México.

Por: Combate
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário