quarta-feira, 1 de abril de 2015

Thiago Silva retorna ao MMA com derrota para atleta desconhecido

Não foi nada boa a volta do ex-UFC Thiago Silva ao MMA. Escalado para fazer a segunda luta mais aguardada do WSOF 19 diante de Matt Hamill, o brasuca ficou sabendo apenas cerca de três horas antes de que o seu adversário não iria se apresentar porque sofrendo com os efeitos de uma sinusite e de um vírus estomacal. O desconhecido Teddy Holder então assumiu o lugar do americano e acabou nocauteando o brasuca ainda no primeiro round.

Thiago não lutava desde outubro de 2013, quando venceu exatamente Matt Hamill ainda pelo UFC. Após esse resultado positivo, a vida do brasileiro virou de cabeça para baixo. Acusado de agressão pela ex-esposa, o atleta da Blackzilians foi preso em fevereiro do ano passado e teve seu contrato com o Ultimate encerrado.





As acusações contra Thiago Silva foram encerradas em setembro e ele voltou a treinar normalmente até assinar com o World Series of Fighting. Sua volta ao cage, no entanto, foi longe do que ele poderia idealizar.

Começando o duelo na trocação aberta, Thiago até levou perigo com golpes que pareciam balançar o rival. Entretanto, um cruzado de direita de Holder fez com que o brasileiro fosse ao chão. Foi o que o americano precisava para desferir uma sequência de golpes que obrigaram o árbitro do duelo a intervir.

Foi a nona vitória da carreira de Toddy Holder, que fez sua estreia no WSOF e nunca fez uma luta que passasse do primeiro round na carreira. Thiago Silva, por sua vez, conhece o seu quarto revés da vida.

Por: Ag. Fight
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário