quinta-feira, 9 de abril de 2015

Georges St-Pierre: "Continuaria no topo se voltasse a competir no MMA"

Longe do octógono desde a vitória polêmica sobre Johny Hendricks em novembro de 2013, Georges St-Pierre, ex-campeão dos meio-médios do UFC, acredita que, se voltasse a competir, continuaria no topo. Em entrevista ao podcast de Chael Sonnen, "You're Welcome", nesta quarta-feira, o canadense afirmou que tem potencial para ser o melhor no esporte, caso decida encerrar seu período de afastamento.

- Se conseguir encontrar motivação em voltar a competir, poderia ser o melhor. Treinando duro e sentido prazer, conseguiria ficar no topo - disse.




GSP também foi questionado sobre a possibilidade de competir em torneios de luta agarrada. Segundo ele, seus 33 anos seriam um empecilho para isso. O canadense também falou sobre sua intenção de ajudar o companheiro de equipe e compatriota Rory McDonald nos treinamentos, visando à disputa de cinturão contra Robbie Lawler em julho.

- Robbie é perigoso, mas acho que Rory, em sua melhor forma, é melhor do que ele e Johny Hendricks. Acredito que ele pode se tornar campeão. Ficaria muito feliz - comentou.

St-Pierre se afastou do MMA por tempo indeterminado após vencer Johny Hendricks, no fim de 2013, alegando problemas pessoais. O resultado daquele combate gerou polêmica, mas o fato é que o canadense foi aclamado vencedor por decisão dividida dos jurados.

Por: Combate
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário