segunda-feira, 20 de abril de 2015

Favorito, Jacaré vence com uma chave de braço já no primeiro round

Ronaldo Jacaré confirmou o favoritismo e atropelou Chris Camozzi, que perdeu a segunda luta mais importante do UFC Fight Night deste sábado em uma chave de braço bem aplicada pelo rival. Líder do ranking dos médios, o brasileiro chega à oitava vitória seguida (quinta no UFC) e dá mais um passo rumo à disputa do cinturão.

O amazonense tem grandes chances de ser emparelhado com o vencedor da disputa entre Chris Weidman, atual campeão dos médios, e Vitor Belfort, que se enfrentam em maio. O empecilho para Jacaré é o protagonista da próxima luta da noite, o também brasileiro Lyoto Machida, que enfrenta Luke Rockhold, ambos de olho na sucessão de Weidman.





A escolha de quem será o próximo a tentar o título ficará nas mãos do UFC, mas a vitória contundente de Jacaré dá mais pontos ao lutador que, ao contrário de Lyoto, nunca teve a chance de encarar Chris Weidman.

A luta deste sábado, é bom que se diga, foi mais fácil do que se imaginava para Jacaré. A princípio, ele enfrentaria o cubano Yoel Romero, em ascensão na categoria, que teve uma lesão no começo do mês e abandonou a disputa. De última hora, Chris Camozzi topou substitui-lo, ainda que esteja fora do ranking e já tenha sido derrotado pelo brasileiro no UFC.

Jacaré não tomou conhecimento. Em pouco mais de 2min30s, o brasileiro levou a luta para o chão, prendeu o braço do norte-americano e venceu o combate. Na comemoração, ele fez um gesto pedindo uma chance de disputar o cinturão tão desejado.

Por: UOL Esporte
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário