sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Weidman x Belfort será no UFC 184, dia 28 de fevereiro em L.A, diz site

A tão aguardada disputa de cinturão peso-médio entre Chris Weidman e Vitor Belfort está sendo planejada para o dia 28 de fevereiro em Los Angeles. A informação foi divulgada nesta quinta-feira pelo site americano “MMA Junkie”, que afirmou que o duelo será a luta principal do UFC 184 e que provavelmente acontecerá no Staples Center, ginásio que abriga os jogos dos times da NBA Los Angeles Lakers e Los Angeles Clippers, e do time da NHL Los Angeles Kings.

Segundo o site, o Ultimate já informou a Comissão Atlética do Estado da Califórnia sobre a possível data, mas a organização ainda tem que submeter uma requisição formal.

- Eu ouvi algumas coisas sobre isso, mas não tenho nada por escrito - explicou o diretor executivo da comissão, Andy Foster, na entrevista.

Inicialmente marcada para o dia 6 de dezembro, a luta entre o campeão peso-médio e o brasileiro precisou ser adiada depois que Weidman sofreu uma fratura na mão. Esta foi a segunda vez que o combate entre os dois foi marcado e adiado. Ambos tinham sido escalados para duelar no UFC 173, em maio, mas mudanças no regulamento da Comissão Atlética do Estado de Nevada (NSAC), que aboliu o uso da terapia de reposição de testosterona (TRT), forçaram o brasileiro a se retirar do combate. Belfort, que fazia uso do tratamento, precisou de tempo para adaptar seu organismo às novas exigências. Em agosto, ele foi liberado pela NSAC para encarar Weidman no dia 6 de dezembro, e uma das condições era a de que não lutasse em nenhum outro lugar até a data do duelo.

Como o UFC não conseguiu local para realizar o evento em Las Vegas,  a organização informou à Comissão de Nevada de que teria que mudar o local do evento:





- Isso foi negociado e eu acho que foi resolvido e ele (Belfort) estará apto a lutar em outro lugar. Nós estávamos com tudo pronto e aí tivemos que conversar com o Andy para nos certificarmos de que os testes antidoping fora de competição serão aplicados - declarou o diretor executivo da NSAC, Bob Bennett.

A informação de que a Comissão de Nevada havia passado para a Comissão da Califórnia a responsabilidade de testar Belfort foi divulgada nesta quinta-feira pelo site “MMA Fighting”.

Vitor Belfort vem de três nocautes consecutivos, sobre Michael Bisping, Luke Rockhold e Dan Henderson, sendo o último pelos meio-pesados. Já Weidman está invicto na carreira, com 12 vitórias em 12 lutas, sendo as últimas oito pelo UFC. Em seu último combate, o americano que tomou o cinturão de Anderson Silva e o derrotou por duas vezes, superou Lyoto Machida na decisão unânime.

Por: Combate
Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário