sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Shogun afasta possibilidade de aposentadoria: “Não faz sentido”


O ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) do UFC Maurício ‘Shogun’ não passa por uma fase lá muito boa, tanto que, mesmo com pena 32 anos, se viu obrigado a responder sobre um possível desejo de se aposentar. Possibilidade que afastou veementemente.

Em conversa com a reportagem da Fox Sports, o paranaense, que já afivelou um cinturão de um GP do Pride no passado, afirmou que sua relação com o evento americano é boa o suficiente para garantir que nada mudou.




"Isso (aposentadoria) nunca passou pela minha cabeça. Muito pelo contrário, eu pensei em continuar a lutar. Eu sou o cara que vai lá lutar, e eu estou feliz fazendo isso, e o UFC, que é a promoção que me contrata e promove as minhas lutas, está feliz em ter no show. Por que eu iria parar de lutar? Isso não faz muito sentido”, afirmou.

Vindo de derrota para o americano Dan Henderson em sua última apresentação no octógono, o veterano brasileiro tem retorno marcado para o dia 8 de novembro, quando encara a promessa inglesa Jimi Manuwa na cidade de Uberlândia, no Brasil.

Por: Ag. Fight
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário