sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Spider garante: não para enquanto não recuperar cinturão do UFC

Desde que perdeu o cinturão para Chris Weidman e na sequência foi derrotado na revanche que lhe rendeu a traumática lesão na perna esquerda, Anderson Silva sempre declarou que não pensava mais em cinturão do Ultimate. Porém, com luta marcada diante de Nick Diaz, dia 31 de janeiro, em Las Vegas, pelo UFC 183, parece que as ideias do brasileiro têm se renovado.

Segundo o próprio Spider, em entrevista ao site da revista Veja, seu objetivo a partir de agora é alcançar mais uma chance de recuperar o título que foi seu durante sete anos. O ex-campeão dos médio garante que pretende, ao menos, tentar.

- Além de voltar bem em 2015, meu projeto no UFC é um só: enquanto eu não pegar o cinturão de volta, eu não paro. Quero pelo menos tentar - declarou o lutador, que não luta desde dezembro do ano passado devido a grave lesão na perna esquerda.

Aos 39 anos, o lutador admite que começa a sentir o peso da idade, mas garante que isso não chega a ser um problema até o momento. O curitibano ainda falou sobre os valores do apoio da família nos momentos difíceis de sua recuperação.

- Me sinto um atleta mais completo. A arte marcial é um ensinamento de vida, e isso vale tanto para dentro como para fora do octógono. É claro que você sente a idade, isso é normal. Nada é mais importante do que você ter uma família por perto nas horas difíceis. Sem eles, nem parte física, nem emocional, nem mental estaria boa hoje - explicou.




Por: LANCEPRESS!
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário