quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Depois de vencer Pezão no Brasil, Arlovski pode ficar seis meses parado

Depois de nocautear Antônio Pezão no UFC Brasília, Andrei Arlovski pode ficar até seis meses sem lutar. De acordo com a lista de suspensões médicas emitidas pela Comissão Atlética Brasileira de MMA e divulgada pelo “MMA Junkie", o lutador lesionou o punho no duelo e precisa de liberação de um especialista para poder voltar a competir.

Outros dois lutadores receberam suspensões de seis meses: Efrain Escudero, que precisa de liberação médica devido a uma lesão no joelho depois da derrota para Leo Santos, e Piotr Hallman, que perdeu para Gleison Tibau na decisão dos juízes e precisa de liberação médica devido a uma lesão em seu maxilar.





Confira a lista completa de suspensões médicas:

* Andrei Arlovski : suspensão de 180 dias. Raio X do pulso pendente.
* Antonio Pezão:  suspensão de 60 dias. Sem contato por 45 dias.
* Gleison Tibau: suspensão de 60 dias. Sem contato por 30 dias.
* Piotr Hallman: suspensão de 60 dias. Requer liberação médica de seu maxilar.
* Leo Santos: suspensão de 30 dias. Sem contato por 21 dias.
* Efrain Escudero: suspensão de 180 dias. Requer liberação médica de seu joelho
* Wendell Oliveira: suspensão de 45 dias. Sem contato por 30 dias.
* Iuri Alcantara: suspensão de 30 dias. Sem contato por 21 dias.
* Russell Doane: suspensão de 45 dias. Sem contato por 30 dias.
* George Sullivan: suspensão de 30 dias. Sem contato por 21 dias.
* Igor Araujo: suspensão de 60 dias. Sem contato por 45 dias.
* Francisco Massaranduba: suspensão de 30 dias. Sem contato por 21 dias.
* Leandro Silva: suspensão de 30 dias. Sem contato por 21 dias.
* Paulo Thiago: suspensão de 45 dias. Sem contato por 30 dias.

Por: Combate
Foto: Inovafoto

Nenhum comentário:

Postar um comentário