quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Após punição, Wand dispara: 'A guerra está só no começo, seus f***'

Na última sexta-feira, ao decidir se aposentar do MMA, Wanderlei Silva iniciou uma guerra contra o tratamento que o UFC dá aos seus atletas. E, nesta terça-feira, o Cachorro Louco levou um duro golpe, quando foi banido de lutar no estado de Nevada, que inclui Las Vegas. Além disso, ele se viu obrigado a pagar 70 mil dólares como multa por ter "fugido" de um exame antidoping surpresa não realizado em maio deste ano.

O Cachorro Louco nunca teve papas na língua e, através das redes sociais, disparou ofensas para quem, segundo ele, quer vê-lo por baixo. Segundo Wanderlei, a luta por melhores condições dos atletas está no início.

- Para vocês que querem me derrubar, vem que tem. A guerra está só no começo, seus f***. Vão ver que somos nós quem mandamos nessa p***. Bando de almofadinhas - escreveu o ex-campeão do extinto PRIDE.

Mas o curitibano não foi só críticas. Pela grande repercussão da sua aposentadoria com muitos lutadores, que postaram mensagens nas redes sociais em seu apoio, Wanderlei fez questão de agradecer a todos. 




- Valeu amigos por tudo. O poder é de vocês e vocês dão a quem quiserem. Muito obrigado por tudo - concluiu o lutador.

Por: Lancepress
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário