quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Procuradoria Geral de Nevada entra com queixa formal contra Wand Silva

A Procuradoria Geral do Estado de Nevada entrou com uma queixa formal contra o lutador Wanderlei Silva, na qual pede à comissão atlética do estado que tome medidas administrativas contra o atleta por fugir de um exame antidoping e por admitir uso de substâncias ilegais antes de uma luta eventualmente cancelada contra Chael Sonnen pelo UFC 175. A queixa define Wand como "um combatente desarmado" que é sujeito às regras da Comissão Atlética do Estado de Nevada (NSAC).

As informações são do site americano "MMA Junkie". Apesar de Silva não ter uma licença de lutador no momento do exame que evitou, nem estar em processo de pedido de licença, a Procuradoria argumenta que o brasileiro promoveu sua luta contra Sonnen e "sabia que era um competidor no UFC 175".

"Um combatente desarmado deve se submeter a uma análise de urina ou teste químico se a comissão ou um representante da comissão o dirige a isso", diz a queixa, formalizada no dia 31 de julho, de acordo com o "MMA Junkie".





A procuradoria busca reparos por gastos associados ao caso de Wanderlei Silva, incluindo custos investigativos, e qualquer outra punição que a comissão julgue necessária. O lutador brasileiro tem 20 dias para responder, e seu caso será julgado numa audiência da comissão ainda com data indeterminada. Silva não atendeu as ligações do Combate.com buscando comentários sobre o caso.

A queixa usa como base o depoimento de Wanderlei Silva numa reunião de "informação" da Comissão Atlética do Estado de Nevada no dia 17 de junho, na qual o lutador brasileiro esclareceu o motivo de não ter se submetido a um exame antidoping surpresa pedido pela entidade no dia 23 de maio. Wand admitiu, através de uma carta lida por seu advogado, que fugiu do teste por ter tomado diuréticos, substância proibida pela comissão - ele alegou que fez seu uso para diminuir a retenção de água causada por um antiinflamatório para tratar de dores no punho, por conta de sua briga com Sonnen no set de filmagem do The Ultimate Fighter Brasil - Em Busca de Campeões. Ele foi retirado da luta contra o americano após se recusar a fazer o exame antidoping.

Por: Combate
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário