terça-feira, 5 de agosto de 2014

Preparador de Spider aprova Diaz e classifica americano como 'arruaceiro'

A notícia do retorno de Anderson Silva ao octógono do Ultimate mexeu com o mundo do MMA e movimentou em especial a vida de membros da sua equipe. Preparador físico de Spider há anos, Rogério Camões recebeu o brasileiro no Rio de Janeiro durante o período de pouco mais de um mês para junto ao Doutor Marcio Tannure fazer uma avaliação do lutador para aprovar ou não sua volta ao cage depois da grave lesão sofrida na perna esquerda, em dezembro. Com o duelo com Nick Diaz marcado para o dia 31 de janeiro, em Las Vegas, pelo UFC 183, o profissional avalia o trabalho e a expectativa para o combate.

Em entrevista ao LANCE!Net, Rogerão explica que o trabalho de recuperação física de Anderson não será complicado mesmo em se tratando de um atleta que só voltará a pisar no octógono após completar 13 meses sem lutar.

- O Anderson nos informou para justamente podermos sentir e concordar ou não com essa decisão. Como ele esteve recentemente no Brasil, fez todos os exames com o Dr. Tannure e um treinamento comigo. Na verdade, ele não está parado. Não ficou zerado. Ficou só no período pós-cirurgia e voltou logo. Na verdade ele não esta há tanto tempo. A primeira coisa que ele fez foi a parte física, um fortalecimento geral. Ele veio fazendo uma preparação física, musculação e já logo assim que foi liberado voltou a treinar. Ele vem se mantendo, treinando devagar. Foi muito bem neste período. Treinou muito bem aqui, fez dois sparrings aqui na X Gym - avaliou o preparador, em conversa com o L!Net.





Rogerão ainda fez comentários sobre o confronto de Spider com Nick Diaz, elogiou o casamento da luta e relatou um contato tido com o americano nos Estados Unidos onde o mesmo o convidou para treinar em sua academia, localizada na Califórnia (EUA).

- Adorei a luta, porque o Diaz é um cara que gosta muito da parte em pé do boxe e isso para o Anderson é fabuloso. Ele é um cara que fica na briga, não é de fugir. Esse é o tipo da luta que certamente vai ser um espetáculo para os dois. Em termos de dinâmica de luta, a escolha foi muito bem feita. Sobre a personalidade do Diaz, tive a oportunidade de estar na academia dele uma temporada. Fomos para um evento por lá e o Diaz ofereceu a academia para gente treinar lá e o conheci pessoalmente junto com o irmão (Nate Diaz). Ele é um cara arruaceiro, mas é super educado comigo, com o Anderson, com o Feijão... Ele sempre foi muito educado. O irmão também. Acho que ele faz um tipo - analisou.

Por: Luis Fernando Coutinho/Lancenet
Foto:  Reprodução

Um comentário:

  1. Adoro o Portal MMA, acompanho todos os dias, estão de parabéns, mas farei uma "crítica construtiva", o copiar e colar (as vezes inevitável) de notícias as vezes deve ser bem observado, não estou dizendo pra escrever tudo, mudar 90% do original, nada disso, mas por exemplo quanto ao titulo da enquete/notícia, não sei qual foi a fonte (infeliz) que no título tira totalmente de contesto as palavras do Rogério Camões, isolando o adjetivo "arruaceiro" para fazer (falsa) mídia e tornar a reportagem mais "interessante", acho que é um ponto que se for realizado (ate alterado) tornara o Portal MMA ainda melhor (acima dessa publicidade do pão e circo).
    abraço.

    ossssss

    ResponderExcluir