quinta-feira, 19 de junho de 2014

Possível revanche entre Barão e TJ Dillashaw desaponta Assunção

Depois de ter sido apontado pelo próprio Dana White como o próximo desafiante ao cinturão peso-galo do Ultimate, o brasileiro Raphael Assunção pode ter que voltar à fila. Isso porque o chefão do UFC declarou no início da semana que  o o atual campeão da categoria, TJ Dillashaw, deve fazer uma revanche contra Renan Barão em sua próxima luta.

Segundo o “UFC Tonight”, programa de TV oficial do Ultimate nos EUA, Raphael não está nada feliz com a novidade. O lutador está invicto desde que desceu para a divisão e assistiu de camarote à derrota de Barão para Dillashaw, em Las Vegas, em maio passado. Ele não luta desde fevereiro, quando derrotou Pedro Munhoz na decisão unânime dos juízes e sofreu uma lesão na costela, da qual ainda está se recuperando.

- Honestamente, eu sei que revanches são sempre legais, mas vencer o campeão da minha divisão de peso em uma luta competitiva também é algo legal - disse o atleta ao site “Fox Sports”, referindo-se ao seu primeiro duelo contra Dillashaw, em outubro de 2013. Na época, ele levou a melhor na decisão dividida dos juízes.





- Dana é o meu chefe e o que quer que ele decida eu vou respeitar, mas eu achei que essa poderia ser a minha luta, a minha chance ao título. Eu também estou disposto a ajudar a vender o duelo da melhor forma possível, para fazer com que as pessoas tenham interesse em assistir essa luta - completou.

Assunção tem 21 vitórias na carreira e quatro derrotas. Após o UFC 173 ele declarou ao Combate.com que estaria pronto para lutar em meados de setembro. Se o UFC confirmar a revanche entre TJ e Barão, no entanto, Raphael teria que esperar até 2015 para poder ter a sua chance ao título..

Por: Combate
Foto: Evelyn Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário