sexta-feira, 27 de junho de 2014

Pesagem do UFC em Auckland tem "selfie" em encarada e clima cordial

A pesagem do "UFC: Te Huna x Marquardt" aconteceu na madrugada desta sexta-feira, em Auckland, Nova Zelândia. Sem grandes astros ou muitos momentos de tensão, o evento foi marcado pela cordialidade entre os lutadores, que ficou estampada na encarada da primeira luta do evento, entre Sean O'Connell e Gian Villante. Os dois americanos estavam tão à vontade um com o outro que Sean O'Connell inclusive puxou seu smartphone para fazer uma "selfie" dos dois juntos, um de frente para o outro. Em vez de se olharem em pose de luta, ambos olharam para a câmera, junto ao diretor do UFC no Canadá e Oceania, Tom Wright, que substituiu o presidente Dana White como homem entre os lutadores nas encaradas.

Os brasileiros Rodrigo "Monstro" de Lima e Charles "Do Bronx" Oliveira passaram pela pesagem sem problemas e bateram os limites de suas categorias sem precisar tirar toda a roupa.

Monstro subiu ao palco usando uma máscara de um dos personagens do filme "Monstros S.A." e com a bandeira do Pará, e foi à balança com um terço na mão. Ele bateu 76,7kg, quase um quilo abaixo do limite permitido para lutas que não valem cinturão em sua categoria, peso-meio-médio (77,6kg). Seu oponente, Neil Magny, porém, requisitou que os dirigentes do UFC fizessem a tradicional "cabaninha" com toalhas para que ele pudesse tirar a cueca ao se pesar. Ele ficou no limite de tolerância, 77,6kg.





Charles Do Bronx marcou 65,8kg, valor exato da categoria peso-pena, em sua passagem pela balança. Seu adversário, o japonês Hatsu Hioki, registrou 66,2kg, dentro da tolerância permitida para lutas que não valem título. Acostumado a ser mais alto que os seus adversários, Do Bronx, de 1,78m, ficou olho no olho com Hioki, que tem 1,80m. Os dois se cumprimentaram e se abraçaram após a encarada.

O único momento de tensão da pesagem foi a encarada entre os pesos-leves Dashon Johnson e Jake Matthews. Johnson virou o boné que usava para trás e, de guarda baixa, encostou a testa na cabeça de Matthews, que não recuou e o encarou intensamente. Os dois se cumprimentaram rapidamente ao serem separados por Tom Wright. No evento principal, tanto James Te Huna, que faz sua primeira luta no peso-médio (até 84,4kg) após descer do peso-meio-pesado (até 93,4kg), quanto Nate Marquardt, que volta à categoria após lutar por dois anos no peso-meio-médio (até 77,6kg), bateram 84,4kg.

O "UFC: Te Huna x Marquardt" acontece na Vector Arena, em Auckland, Nova Zelândia, e tem transmissão ao vivo do Combate a partir de 2h30m (horário de Brasília) de sábado.

Confira os pesos batidos pelos lutadores na pesagem:

UFC: Te Huna x Marquardt
28 de junho de 2014, em Auckland (NZL)

CARD PRINCIPAL

Peso-médio (até 84,4kg): James Te Huna (84,4kg) x Nate Marquardt (84,4kg)
Peso-pesado (até 120,7kg): Soa Palelei (119,7kg) x Jared Rosholt (117,5kg)
Peso-pena (até 66,2kg): Hatsu Hioki (66,2kg) x Charles Do Bronx (65,8kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg): Robert Whittaker (77,6kg) x Mike Rhodes (77,6kg)

CARD PRELIMINAR

Peso-leve (até 70,7kg): Dashon Johnson (70,3kg) x Jake Matthews (70,7kg)
Peso-mosca (até 57,2kg): Roldan Sangcha-an (56,7kg) x Richie Vaculik (56,9kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg): Vik Grujic (77,1kg) x Chris Indich (77,1kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg): Neil Magny (77,6kg) x Rodrigo Monstro (76,7kg)
Peso-pena (até 66,2kg): Ian Entwistle (66kg) x Daniel Hooker (65,8kg)
Peso-meio-pesado (até 93,4kg): Sean O’Connell (93kg) x Gian Villante (93,2kg)

Por: Combate
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário