segunda-feira, 9 de junho de 2014

Henderson comemora finalização após quatro anos: "Sensação é boa"

Finalmente ele conseguiu. Desde abril de 2010, Benson Henderson não sabia o que era vencer uma luta sem ter que ser julgado pelos juízes laterais. Diante de Rustam Khabilov, o ex-campeão dos leves do Ultimate teve problemas no início, mas conseguiu se recuperar e finalizou o russo no quarto round da luta principal do UFC Fight Night 42, disputado nesse sábado (7), em Albuquerque (EUA).

Bendo comemorou bastante a vitória ainda dentro do octógono, quando saiu correndo e gritando parecendo desabafar. Na coletiva após o evento, no entanto, o americano amenizou a situação, mas admitiu que ficou feliz pela finalização.

"Às vocês não entendem o que é uma vitória. Eu estou aqui para fazer boas apresentações. Se vai ser finalizando ou nocauteando, o que eu quero é ganhar e fazer boas apresentações. Mas, sim, a sensação é boa sim", disse o americano.





Henderson também aproveitou a ocasião para elogiar seu adversário que vinha fazendo uma boa luta até ser atingido no quarto round e virar presa fácil para o ex-campeão ajustar o mata-leão e colocar fim ao duelo.

"Foi uma luta legal. Foi bacana participar dessa luta. No primeiro round ele acertou um soco que, mesmo bloqueado, me jogou para trás. Ali eu pensei 'caramba, esse cara bate forte'", admitiu.

Atual número 2 dos leves de acordo com o ranking oficial do Ultimate, Bendo ficou mais próximo de conseguir lutar novamente pelo cinturão que um dia já esteve em sua posse e hoje pertence a Anthony Pettis.

Por: Ag. Fight
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário