segunda-feira, 16 de junho de 2014

Arlovski diz que ficou nervoso em retorno ao UFC: “Minha mão tremia"

O bielorrusso Andrei Arlovski venceu a sua luta de retorno ao UFC, na madrugada deste sábado para domingo em Vancouver, no Canadá, mas não ficou feliz com a sua performance. O lutador, que venceu o duelo na decisão dividida, confessou que ficou nervoso ao pisar no octógono seis anos depois de sua última luta pelo Ultimate e afirmou que isso influenciou o seu desempenho.

- Eu senti muito mal. O Dana White não está aqui na coletiva, mas eu queria agradecê-lo porque ele me deu uma boa oportunidade, mas eu não gostei da minha performance, não gostei da minha luta hoje. Por alguma razão, quando eu pisei na jaula, as minhas pernas e as minhas mãos não paravam de tremer. Me senti como se estivesse lutando pela primeira vez na minha carreira. Eu sei que não devemos deixar nas mãos dos juízes. O meu plano era nocautear o Brandon Schaub, mas infelizmente não consegui. Eu não fiquei feliz com o meu desempenho hoje - disse o atleta durante a coletiva de imprensa pós- UFC 174.

Com a vitória deste sábado, Andrei Arlovski agora tem 22 triunfos na carreira, além de 10 derrotas e um “no-contest”. O bielorrusso, de 35 anos, é um dos dois únicos europeus que se sagraram campeões do UFC. Ele conquistou o cinturão interino em 2005 e o perdeu para Tym Silva em 2006, depois de derrotar dois desafiantes.





Por: Combate
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário