quinta-feira, 10 de abril de 2014

Ronda Rousey diz que faria de tudo para enfrentar Gina Carano

De todos os apreciadores de MMA que gostariam de ver Gina Carano lutando no UFC, parece que Ronda Rousey é quem mais anseia pelo retorno da primeira musa do esporte. Em conversa com jornalistas realizada nesta semana, a campeã peso-galo do Ultimate afirmou que faria de tudo para poder enfrentar a ex-campeã do Strikeforce.

“Ela é uma das pioneiras do esporte. Ela é o motivo pelo qual eu comecei a lutar. Como eu posso dizer não para a mulher a quem eu devo tudo? Eu faria de tudo para ter uma chance de enfrentá-la. Não vou fazer com que ela passe por muitos desafios para lutar comigo. Eu apareceria na casa dela se ela quisesse lutar lá”, afirmou a campeã.





Apesar de Carano não lutar desde 2009, e só ter competido na categoria até 61kg uma vez, Rousey acredita que caso seu ídolo realmente volte a competir, ela deveria ganhar uma disputa de título imediata. A campeã teme que Carano seja derrotada caso enfrente outra pessoa, o que a afastaria de uma luta pelo cinturão.

“Eu acho que seria a melhor coisa para o MMA feminino. Acho que seria a maior luta que poderia ser feita. Não faria sentido para ela voltar e lutar contra outra pessoa, correndo o risco de ser derrotada e estragando os planos de uma luta entre nós. Acho que faria mais sentido ela ir direto para uma disputa de título”, disse a lutadora.

Por: Ag. Fight
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário