terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Para elogiar Lyoto, Tim Kennedy brinca: 'Estou feliz por não ter lutado com ele'

O norte-americano Tim Kennedy seria o responsável por receber Lyoto Machida na divisão de pesos médios, no fim do ano passado. Porém, com a contusão de Michael Bisping, Lyoto acabou enfrentando Mark Muñoz em seu debute e Tim encarou o Rafael Sapo. Neste fim de semana, em tom de brincadeira, Kennedy usou o Twitter para comemorar o fato de não ter enfrentado Machida, como forma de elogiar a atuação do brasileiro contra Gegard Mousasi no UFC Jaraguá.

"Eu estou feliz por não ter lutado contra o (Lyoto) Machida. Eu não sei se conseguiria lidar com os comentaristas falando sobre ele explodindo pra cima de mim repetidas vezes", escreveu Kennedy na rede de microblogs. O norte-americano tem um senso de humor nas redes sociais já reconhecido no meio do MMA, principalmente após a série de mensagens cômicas que publicou pedindo um novo adversário no UFC Fight for The Troops 3, que culminaram no anúncio de Rafael Sapo como seu oponente.





Além da luta em si, Kennedy também exibiu seu bom humor em conversa com Rener Gracie, técnico de jiu-jitsu de Machida. "Para aqueles que estão se perguntando, Lyoto estava buscando os 'ataques de ameaça tripla' contra-atacando do lado fraco, mas o tempo era curto e Mousasi defendeu bem", escreveu Rener. Rapidamente, Kennedy zombou da mensagem. "Eu estava mesmo prestes a perguntar se o Lyoto estava buscando um 'ataque de tripla ameaça', mas como eu não sabia o que isso significava ... Então, eu não perguntei", publicou. Gracie levou o comentário na esportiva e foi político em sua resposta. "Tim Kennedy, eu ficaria honrado em compartilhá-lo com você. Venha à Academia Gracie ou acesse o nosso site", rebateu.

Aos 34 anos, Tim Kennedy possui um cartel de 17 vitórias e quatro derrotas. O ex-desafiante ao cinturão do extinto Strikeforce venceu as duas lutas que realizou como atleta do UFC, contra os brasileiros Roger Gracie e Rafael Sapo, e atualmente ocupa a nona colocação do ranking oficial de pesos médios. Em seu próximo compromisso no Ultimate, no dia 14 de abril, em Quebec (Canadá), Kennedy enfrenta o britânico Michael Bisping na luta principal do UFC Fight Night 41.

Por: MMA Press/Lancenet
Foto: UFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário