quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Bellator se empolga com conversas com Melendez: ‘Vamos contratar os melhores’

O diretor executivo do Bellator, Bjorn Rebney, confia que a possível contratação de Gilbert Melendez é apenas o primeiro passo rumo ao crescimento ainda maior da organização.

Melendez, um dos principais lutadores da categoria dos leves do mundo, enfrenta dificuldades para renovar seu acordo com o UFC. O Bellator não perdeu tempo e já adiantou as negociações com o lutador, embora nenhum contrato já tenha sido assinado.

Em entrevista ao site norte-americano “MMA Fighting”, Rebney afirmou que o grande objetivo do Bellator é contratar os melhores lutadores do planeta, independentemente de onde eles estejam atuando atualmente. “Continuaremos contratando os melhores lutadores, sejam eles da favela do Brasil, da tundra congelada da Sibéria ou atuais atletas do UFC. Essa é a missão. Os lutadores são aqueles que impulsionam as vendas de pay-per-view e as audiências de televisão. Você não vê a audiência subindo por causa do Bjorn ou do Bellator. Promover os lutadores deveria ser a prioridade”, comentou o dirigente.





Rebney acredita que o crescimento do Bellator irá beneficiar somente aos lutadores, já que o UFC teria menos poder nas negociações. “Estamos indo atrás de todo mundo, com mais e mais frequência. Acho que é um problema bastante amplo. Quando um lutador tem somente uma opção, ele não tem poder na hora de negociar, mas, quando tem duas opções, o poder fica inteiramente com ele”, explicou.

Sobre as negociações com Melendez, Rebney afirmou que o objetivo é transformar o lutador em uma estrela do esporte, e não em promover ainda mais a marca do Bellator. “Eu não posso entrar em detalhes, mas [a negociação] inclui oportunidades de aparecer na televisão, oportunidades nos bastidores e de marketing. O segredo para o acordo é construir a marca de Gilbert Melendez, não a marca do Bellator ou do Bjorn Rebney. A marca do lutador é o fator mais importante”, pontuou.

Por: MMA Press/Lancenet
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário